Uberlândia: Cresce mobilização na região

Comissão Uberlandense amplia atuação e busca apoio nos municípios do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba

A Comissão Uberlandense Pró-Conferência Nacional de Comunicação (CUP-CNC), em reunião no dia 25 de agosto, aprovou a expansão de sua atuação, transformando-se em Comissão Regional (CRP-CNC), envolvendo municípios do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba.

A ampliação garantirá maior abrangência às atividades da Comissão e, para efetivar a regionalização, seus membros estão participando de reuniões com autoridades dos municípios da região a fim de conquistar o apoio de movimentos sociais, representantes políticos e da sociedade como um todo. O objetivo é garantir que, assim que o regimento da Conferência Nacional seja oficializado, os interesses da população da região ganhem proporção significativa nas conferências estadual e nacional.

Em Uberlândia, a Comissão, criada há dois meses, tem alcançado um bom índice de participação nas reuniões. Até o momento, cerca de 50 pessoas já estiveram presentes às reuniões semanais, sendo, em média, 25 por reunião.

A CRC-CNC conta com a participação de diversas organizações, incluindo movimentos sociais, movimento sindical, empresas e profissionais de comunicação, cursos universitários e movimento estudantil: APARU (Associação dos Paraplégicos de Uberlândia), Associação Moradores do Bairro Custódio, Associação Usuário de Transporte Público de Uberlândia, ASSUS (Associação dos Usuários do Sistema Único de Saúde), Centro Cultural E Educacional Periferarte, CMP (Central de Movimentos Populares do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba), CUT (Central Única dos Trabalhadores), Curso de Comunicação Social: Habilitação em Jornalismo da FACED/UFU, GRUCON (Grupo de Consciência Negra), mandatos do deputado estadual Adelmo Carneiro Leão e do vereador Professor Nivaldo, Movimento Cidade Futura, MAIPO (Movimento de Articulação e Integração Social), Movimento Triângulo, Rádio FM Universitária, Rede Integração, SECUA (Sindicato dos Empregados no Comércio de Uberlândia e Araguari), SHAMA (Associação Homossexual de Ajuda Mútua), SINDIELETRO (Sindicato dos Eletricitários da Cemig), SIND-UTE (Sindicatos dos Trabalhadores da Educação), SINTET (Sindicato dos Técnicos Administrativos da UFU), SINTTRURB (Sindicato dos Trabalhadores do Transporte Urbano de Passageiros), STIAU (Sindicato dos Trabalhadores da Alimentação) e UJS (União da Juventude Socialista de Uberlândia).

Atividades
Além de buscar apoio regional, a Comissão programou quatro oficinas de capacitação de lideranças e da comunidade, a partir de temas considerados relevantes no que se refere a comunicação. A primeira oficina, sobre Marco Regulatório e Democratização da Comunicação, foi realizada a 22 de agosto, reunindo aproximadamente 40 participantes. A segunda oficina, sobre Radiodifusão Pública e Comunitária está agendada para sábado, 29 de agosto, das 8 às 11 horas, na sala 104 do bloco 3Q, Campus Santa Mônica, da Universidade Federal de Uberlândia (UFU). As outras duas oficinas terão como tema Comunicação e Educação (12/09) e Acessibilidade (19/09).

Estão previstos também um ato público (24/09) e a Conferência Livre Pró-Conferência Nacional de Comunicação, de 15 a 17 de outubro, em local a ser definido.

A comissão está aberta à participação de todos, independentemente de partido ou orientação ideológica. Informações adicionais podem ser obtidas pelo e-mail comissao@proconferencia.org.

Mirna Tonus, Curso de Comunicação Social – Jornalismo, FACED/UFU

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: